Como Usar o E-mail Marketing na Divulgação da Sua Empresa

E-mail Marketing na Divulgação da sua Empresa

Infelizmente, não é raro ouvir que o e-mail marketing faz parte do velho mundo e que a nova tendência são redes sociais e outras ferramentas que surgem com a promessa de melhorar sua estratégia de marketing. No entanto, a realidade é bem mais animadora do que essa. Afinal, no mundo temos 3 vezes mais usuários com contas de e-mails criados do que contas do Facebook e Twitter juntas.

O fato é que na hora de efetuar um cadastro, 90% dos usuários deixam como contato principal seu endereço de e-mail em vez de telefone ou link de perfil, o que torna, não só necessário, mas obrigatória a criação de uma estratégia direcionada para esse canal para divulgação da sua empresa.

Por onde começar com E-mail Marketing?

Para ter uma boa assertividade e reputação, o primeiro passo é ter uma lista própria de mailing, ou seja, usuários reais que aceitaram receber suas comunicações. Oferecer conteúdos para seu usuário através de webinars, por exemplo, é uma boa forma de montar um mailing qualificado e evitar receber notificação pelo envio de spam (e-mails não autorizados pelo usuário).

Depois disso, você pode iniciar a comunicação com sua base de várias formas. Se você deseja enviar um conteúdo único para todos com alguma notificação, oferta ou conteúdo interessante, uma boa dica é usar o envio tradicional.
Para lembrar seus contatos de quantos dias faltam para seu webinar seguindo a régua de 15, 10, 5 e 1 dia, por exemplo, a sugestão é a criação um envio automático, programando a mensagem para sair nos dias desejados.
Dar boas vindas a todo novo cadastro que se inscreveu para ver seu conteúdo também é possível através do envio transacional, que permite que seu usuário receba um e-mail personalizado assim que efetuar uma inscrição.

E o HTML?

Muita gente não sabe, mas o template é um dos itens do e-mail marketing mais analisados pelos servidores na hora de decidir se sua mensagem vai para a caixa de entrada do usuário ou para o spam. Com o layout adequado, as taxas de abertura da sua campanha de e-mail marketing podem aumentar bastante. Afinal, quando um e-mail não é mostrado corretamente na tela do usuário, a probabilidade é que mais de 70% apague a mensagem.

Além da preocupação de torná-lo responsivo, ou seja, adequado a todos os devices (desktop ou mobile), a dica é que você planeje bem o conteúdo e o layout do e-mail. Conheça bem as preferências do seu público e foque em conteúdos relevantes, incluindo o assunto da sua mensagem. Lembre-se que ele é a primeira coisa a ser lida pelo usuário e por isso deve ser criativo e instigar a curiosidade do leitor para que ele abra o e-mail.

Já sobre o layout do e-mail marketing, sugerimos sempre a inclusão de imagens e cores claras que estimulem a leitura. Cuidado com a sobreposição de textos e fontes pequenas. O usuário precisa se sentir confortável com a mensagem.

Agora, atenção para a frequência!

Em pesquisas recentes sobre frequência de e-mail, mais de 60% dos usuários revelaram esperar em média 1 e-mail por semana com conteúdos promocionais ou informativos das marcas com as quais se relaciona. A verdade não é universal e por isso indicamos sempre que você realize diversos testes até chegar em uma frequência que seja boa para o seu negócio e para o seu cliente.
Tenha em mente que não é positivo lotar a caixa de entrada do usuário, ainda mais se você enviar apenas promoções e quase nenhum conteúdo informativo. Prefira escolher 1 ou 2 dias fixos para envios de comunicação para que o monitoramento do engajamento e taxas de abertura sejam mais precisos. Para lembrá-lo sobre a data do webinar, por exemplo, é recomendável utilizar o período de D-5 (ou seja, a cada 5 dias encaminhamos um novo lembrete).

Agora é só enviar sua mensagem e monitorar os resultados. Lembre-se que no e-mail marketing, as métricas mais utilizadas são: taxa de abertura e taxa de clique (em algum link presente no seu html). No próximo texto, vamos falar mais sobre segmentação e a importância de enviar mensagens personalizadas para seu público.

Guest Post escrito por Mayara Azevedo, da equipe de marketing da All In Marketing Cloud.

Leia também