5 Estratégias Digitais para Escolas, Universidades e Faculdades

WA necessidade de se definir boas estratégias digitais pode afetar negócios e diferentes tipos de organizações, incluindo escolas e instituições de ensino superior.

Existem muitos obstáculos na criação de uma estratégia de marketing digital para uma organização educacional, começando pelo seu tamanho (universidades são universos por si só, afinal possuem muitos departamentos e grupos de diferentes interesses) e terminando com seus diferentes tipos de públicos-alvo que precisam ser atingidos.

Portanto, uma estratégia digital para instituições de ensino parece uma tarefa assustadora, principalmente quando falamos em faculdades e universidades.

Felizmente, neste post você irá conferir algumas dicas de estratégias que separamos para te ajudar! 

Continue a leitura e descubra quais são elas! 

 

Principais estratégias digitais que trazem resultados para instituições de ensino

Antes de conferir as dicas que separamos, você precisa entender porquê estratégias digitais são tão importantes para instituições de ensino. A primeira coisa que precisamos dizer é que provavelmente todos os seus atuais e futuros alunos estão ativos na internet.  

Eles são o seu público-alvo e para alcançá-los, você precisará ter uma estratégia de digital bem estruturada e eficaz. Afinal, os futuros alunos e seus pais estão procurando por informações sobre cursos, reputação de instituições e outros aspectos relevantes.

A má notícia é que existem muitos obstáculos quando se trata de estratégias digitais. Já a boa notícia é que, com o planejamento certo e uma pequena ajuda de ferramentas, você poderá ter excelentes resultados com marketing digital para escolas, faculdades e universidades.

Confira abaixo algumas que separamos! 

 

1- Definição de personas

Você não conseguirá definir nenhuma estratégia digital se primeiro não fizer a criação de personas. Como já falamos, você pode ter diferentes tipos de públicos-alvo.

Uma universidade pode querer atingir estudantes recém-formados no ensino médio, pais de alunos, pessoas mais velhas interessadas em fazer um curso de graduação, pessoas com ensino superior que querem fazer uma pós-graduação, etc.

Para atingir cada público-alvo você precisará criar um cliente ideal e analisar todas as informações, por exemplo, dados demográficos, mas também informações como hobbies e interesses. Quanto mais informações as suas personas tiverem, melhor você conseguirá entender seus potenciais clientes e assim definir o conteúdo e estratégias que irá destinar para cada um deles.

Sim, é uma tarefa demorada, mas as recompensas valem a pena!

 

2- Criação de site profissional

Pode parecer óbvio, mas a primeira coisa que um aluno provavelmente irá procurar na internet é o seu site. De fato, de acordo com uma pesquisa, 80% dos estudantes vinculados à faculdade concordam que os sites influenciam sua decisão mais do que qualquer outro recurso.

Portanto, é essencial criar um site amigável, informativo, otimizado para SEO, visualmente atraente e responsivo. O rastreamento de dados ajudará a entender como e onde os alunos se envolvem para que você possa refinar e otimizar o site com conteúdo e soluções que os visitantes desejam.

Além disso, a incorporação de personalização permitirá criar um perfil de um visitante com base no conteúdo com o qual ele se envolve. Esses perfis podem te ajudar a direcionar visitantes de maneira mais eficaz e assim aprimorar a experiência do usuário.

 

3- Aproximação através dos celulares

Em uma época em que os alunos são educados com tecnologia e o smartphone tem uma presença muito grande em suas vidas, é essencial tornar os celulares parte de uma estratégia digital.

Cada vez mais os estudantes usam dispositivos móveis durante a fase de descoberta na busca por educação, enquanto a maioria faz suas primeiras visitas aos sites em seus celulares.

Investir em mobile é muito importante para instituições de educação, pois as estatísticas mostram que somente em 2016, 43% de todo o tráfego mundial de sites foi gerado através de dispositivos móveis. Imagine agora, onde o uso de smartphones está cada vez mais em crescimento. 

Além de investir em um site responsivo, você também pode ter um aplicativo da sua instituição, que pode ajudar a criar uma experiência personalizada para futuros alunos.

 

4- Organização e criação de conteúdo relevante

Todos os dias, milhares de conteúdos são compartilhados online. Essa sobrecarga de conteúdo significa que as pessoas têm uma necessidade de ter informações na ponta dos dedos para ajudá-las a tomar decisões. Para reduzir o excesso, você precisará criar e selecionar conteúdo que realmente sejam interessantes para seu público-alvo.

Criar conteúdo relevante e informativo através de blogs, vídeos, mídias sociais, e-books, e-mails marketing, entre outros, não só te ajudará a estabelecer sua instituição como influenciadora, mas também irá direcionar tráfego para seu site. 

No momento atual, conteúdo em vídeo se tornou essencial para as pessoas que estão em casa em busca de conhecimento. Portanto, outra ótima opção para se oferecer conteúdo é o webinar. Esse formato funciona como uma conferência online com o intuito educacional, onde a comunicação é feita apenas por uma via, ou seja, somente pelo palestrante, enquanto as outras pessoas assistem. 

Produzir conteúdo nas páginas do seu site e em seu blog irá ajudar na classificação do seu site nos resultados de busca nos mecanismos de pesquisa. O resultado: mais pessoas irão ver seu conteúdo e sua marca.

Além disso, o compartilhamento de conteúdo de terceiros demonstrará liderança de pensamento e, com o tempo, ajudará a estabelecer você como uma fonte de conteúdo confiável.

O uso e compartilhamento de seus atuais alunos, como blogs ou vídeos de convidados, também poderá ajudar futuros alunos.

 

5- E-mail marketing para universidades

O email marketing não costuma ser associado a instituições de ensino. 

Mas, como em qualquer empresa, as escolas precisam de uma maneira eficaz de se comunicar com os alunos e funcionários, bem como de demonstrar os benefícios de seu estabelecimento aos futuros alunos. O email marketing fornece um meio de conectar todas essas pessoas de maneira extremamente eficiente.

O marketing por e-mail pode ser usado para informar os alunos sobre as datas e horários dos cursos, informar os funcionários sobre o fechamento ou as mudanças de classe ou para incentivar os futuros alunos a se inscreverem.

De fato, o email marketing é uma das maneiras mais eficientes e eficazes para as escolas se comunicarem com as partes interessadas, por alguns motivos:

    1. Segmentação: com ferramentas de e-mail marketing você consegue segmentar seu público e enviar e-mails apenas para determinadas pessoas.
    2. Personalização: com tags dinâmicas você consegue personalizar seus e-mails para conter dados do seu usuário durante a mensagem (como o nome, por exemplo)

 

  • Automatização: é possível criar cadências de e-mails automáticas que irão nutrir o lead por toda a jornada dele.

 

 

O futuro do marketing para instituições de ensino

As instituições de ensino precisam entender que as estratégias digitais já são muito importantes para se obter grandes resultados e isso terá cada vez mais um impacto maior. 

A influência do mercado digital afetará não apenas as ações online, mas também os cursos, os tópicos de pesquisa e a estratégia geral de todo uma instituição. Quanto mais sua marca for reconhecida como relevante e autoridade no mercado, mais preparada ela estará para as mudanças que virão e mais conquistará seu público-alvo. 

Depois de conferir nossas dicas, você está pronto para começar a investir em estratégias digitais ou, já realiza alguma delas, mas quer melhorá-las? 

Com dedicação, análise e organização você conseguirá atingir todos os resultados que deseja! 

 

“Este é um post escrito por nosso convidado Caio Nogueira, co-fundador e da UpSites Digital, empresa especializada em criação de sites responsivos WordPress. Apaixonado por novas tecnologias e pelo desafio de criar soluções na internet que ajudem empresas e pessoas a aumentar as vendas, gerar leads e contar histórias”.

Guest Post | Eventials & Up Sites Digital

Leia também